2 de janeiro de 2012

Não precisas de te ir já embora, podes ficar um pouco mais por aqui. Podes deixar-te estar ai deitado na cama, enquanto eu te espreito pelo canto do olho e te lanço uns sorrisos de amor. O tempo é sempre curto quando estamos com quem gostamos, não é? Connosco ele é sempre pouco, e passa a voar quando estamos os dois entregues ao corpo e ao coração um do outro. Mas eu gostei desta noite, sabes? Eu gostei de te ter aqui deitado no meu peito, no silêncio da lua, e contemplar-te enquanto me cantavas baixinho. Eu gostei de te ver sorrir muitas vezes, apesar de desviares o olhar para eu não notar. Eu gostei disso, mais do que todas as outras vezes, sabes? Deixa-te estar por aqui, não vás já embora. O tempo é curto, vamos aproveita-lo.

17 comentários:

  1. quando gostamos o tempo é realmente muito curto, mas aposto que vocês têm todo o tempo do mundo para aproveitarem. ele não se esgota quando há amor!

    ResponderEliminar
  2. enquanto se amarem e acreditarem, não irá esgotar.
    oh, muito obrigada!

    ResponderEliminar
  3. aproveita todo esse tempo, minha querida. e sê feliz, mereces.
    ah, e está muito bonito

    ResponderEliminar
  4. quando estamos com quem amamos o tempo é curto mas são os melhores momentos da nossa vida...

    adorei!!:))

    ResponderEliminar
  5. tenho de ter muita força. não sei é como.<3

    ResponderEliminar
  6. tão querida, parece que estamos as duas presas:)))

    ResponderEliminar