24 de janeiro de 2012


Guarda a página de linhas tortas que hoje te escrevi enquanto estava no autocarro e te entreguei em mãos minutos depois. Só podes ler quando me for embora. Disse-te eu, e tu guardaste-a dentro do teu bolso do casaco. Quero que a guardes e cuides dela como cuidas de mim e do meu coração. Quero que guardes tudo o que transborda dela: o amor. Guarda-o bem, dentro de ti  junto à tua doce alma. Não deixes que ninguém lhe toque a não ser a ponta dos meus dedos. Não o quebres nem o sufoques, eu conto-te o segredo: ele é como uma borboleta. É frágil mas consegue voar tanto por cima de nós. Um beijinho com sabor a amor.

24 comentários:

  1. tenho a certeza que ele irá cuidar muito bem da carta que lhe deixaste.

    ResponderEliminar
  2. Olha, sabes que eu também fico? Sempre não me assusto sempre que cá venho.

    ResponderEliminar
  3. Pois, eu sei meu doce, eu sei <3

    ResponderEliminar
  4. ' É frágil mas consegue voar tanto por cima de nós.' só esta frase já me encantou, claire.

    ResponderEliminar
  5. agora iluminaste-me. és um doce!

    ResponderEliminar
  6. que ternura, que foi na carta

    ResponderEliminar
  7. Não deixes que ninguém lhe toque a não ser a ponta dos meus dedos" tudo tão claro, tão bonito, tão caloroso e cheio de ternura e amor... adorei.

    não tenho sorrisos suficientes para te agradecer as tuas palavras, foste uma querida comigo. adoro que gostes de me ler:)

    ResponderEliminar
  8. como uma borboleta, que belo então.

    ResponderEliminar
  9. já nem eu sei o que somos...
    está muito belo.

    ResponderEliminar
  10. Que post tão doce aqui escrito, lindo mesmo. Gostei mesmo :)*

    ResponderEliminar
  11. que doçura de texto. adorei. :)

    ResponderEliminar
  12. que doce de texto. que doce de blogue*

    ResponderEliminar
  13. isto por aqui está tão bonito. bonito mesmo. e que bem que sabe esta música,tive-a no meu blogue :)

    ResponderEliminar
  14. A sério, amei este recadinho <3 tens um jeito divino!

    ResponderEliminar
  15. Oh, adorei! E o teu blog também <3

    ResponderEliminar