27 de janeiro de 2014

24:00

Quando sinto vontade de te escrever ou de te falar em amor, nem sempre é para retratar a maneira como fomos começando a gostar um do outro ou as formas que arranjamos, entre nós, para o mostrar. Às vezes sabe melhor inventar e criar aquilo que nunca fomos capazes de tentar. Imaginar por breves momentos na minha cabeça, os sonhos que tão rápido chegam às nossas conversas e se perdem nos nossos silêncios. Pudesse eu agarra-los e prende-los em ti. Pudesse eu agarra-los com o coração e fazê-los crescer dentro de nós. Torna-los cada vez maiores, torna-los cada vez maiores sonhos de amor. Agora sei que estás aqui, outra vez, à minha frente pronto para me ouvires contar um deles. E por isso, quero que feches os olhos. Quando fechamos os olhos para as cores do mundo e nos conseguimos encontrar a nós mesmos numa só cor, a realidade parece sempre mais bonita... Então vá, fecha os olhos, e deixa que seja a minha voz a embalar-te de sonhos e promessas tão bem pensadas e imaginadas. Quando a minha voz soar mais baixinho, bem mais perto dos teus ouvidos, saberás que estou a sorrir por ter terminado. Desta forma, irás colecionando em ti sonhos meus, sonhos teus e sonhos nossos.  E eu sorrirei, no fim, por saber que ficaste com a minha voz dentro de ti. E mesmo que essa algum dia, no mundo real, acabe por se desgastar, tu poderás sempre ouvi-la. Porque a guardaste em ti e saberás sempre onde a encontrar. 

11 comentários:

  1. escreves tão bem! gosto muito :)

    ResponderEliminar
  2. ''Quando fechamos os olhos para as cores do mundo e nos conseguimos encontrar a nós mesmos numa só cor, a realidade parece sempre mais bonita.''
    Lindo, perfeito! Sem palavras mesmo!

    ResponderEliminar
  3. porque é o amor ele mesmo um sonho. um adormecimento para o mundo, uma insónia em nós mesmos, em todas as nossas sensações, quase esquecido o pensamento. tão belo.

    ResponderEliminar
  4. Nada a agradecer, és sempre incrivel em tudo o que escreves doce

    ResponderEliminar
  5. tão belo e tão cheio de amor, encanta-me o coração.

    ResponderEliminar
  6. É tão bom ter-te por aqui!
    Ps: Mudei o link do meu blogue, para me continuares a seguir o link novo é este http://expressoesdeinocencia-filipa.blogspot.com/ ; Beijinho :)

    ResponderEliminar
  7. É tão bom ter-te por aqui!
    Ps: Mudei o link do meu blogue, para me continuares a seguir o link novo é este http://expressoesdeinocencia-filipa.blogspot.com/ ; Beijinho :)

    ResponderEliminar
  8. Que blog bonito e tão cheio de amor, e um nome encantador *.*

    ResponderEliminar
  9. A memória fica sempre em nós. Também ainda guardo em mim vozes que não voltarei a ouvir :)

    ResponderEliminar